INFORMAÇÕES CORONAVIRÚS

UNIDADES DE VACINAÇÃO (ENDEREÇO E TELEFONE)

UBS IROHY - TELEFONE: (11) 4692-1397 - Est. Mogi – Salesópolis, KM 18
UBS CRUZ DAS ALMAS - TELEFONE: (11) 4692-3720 - Rua Euclides da Cunha, 15
UBS JARDIM YONEDA - TELEFONE: (11) 4692-3447 - Rua Nilo Peçanha S/N

BOLETIM CORONAVÍRUS


BOLETINS DIÁRIOS (ARQUIVO)

DECRETO EM VIGOR

FASE DE TRANSIÇÃO: DECRETO Nº 3614 - COVID - Fase de transição de 09 a 31 de julho.

Principais dúvidas sobre a vacinação contra a Covid-19

Quais documentos preciso levar?

No caso dos idosos, será preciso levar um documento (original e cópia) com foto contendo o número do CPF e o Cartão Nacional de Saúde (CNS) Pedimos que o agendamento seja feito preferencialmente por telefone na Unidade de Saúde mais próxima indicadas para a vacinação.

Pessoas acamadas são vacinadas em casa?

Sim, desde que estejam dentro de um dos grupos divulgados para a imunização. Os pacientes acamados também estão sendo imunizados em suas residências, para isso, o familiar deve procurar uma das unidades de saúde indicadas para vacinação assim que anunciado a vacinação para a faixa etária do idoso.

Ainda não tenho cartão SUS. Como posso conseguir?

Ligue para a Unidade Básica de Saúde do seu bairro (UBS) e confirme se já não possui o cartão, pois muitas pessoas, mesmo as que usam a rede particular, já são cadastrados na rede e não sabem.

As pessoas que tomarem a vacina estarão imediatamente protegidas da Covid-19?

Não. É necessário um período entre 10 a 20 dias após a aplicação da segunda dose para o que o corpo crie uma resposta imune ao vírus. Na prática, a vacina não garante que a pessoa não terá Covid-19, mas diminui a chance de infecção e a gravidade da doença. Portanto, mesmo após tomar a segunda dose, será necessário continuar seguindo as medidas de segurança, como distanciamento social, uso de máscara e higienização constante das mãos até que o país tenha a maioria da população vacinada.

Pessoas que apresentem sintomas respiratórios ou com Covid-19 podem ser vacinadas?

Pode. Não há evidências, até o momento, de qualquer risco com a vacinação de indivíduos com histórico anterior de infecção ou com anticorpo detectável para SARS-CoV-2. Além disso, como há casos de reinfecção e mesmo novas variantes do vírus circulando, ainda não existem evidências de que quem pegou a doença já esteja automaticamente imunizado.

Pessoas que apresentem sintomas respiratórios ou com Covid-19 podem ser vacinadas?

Não. Caso a pessoa apresente algum sintoma, o recomendado é que ela observe se haverá avanço no quadro e evite tomar a vacina neste período. Pacientes com Covid-19 devem permanecer em isolamento e não devem tomar a vacina, mesmo que estejam dentro dos grupos anunciados para a imunização.

VACINAÇÃO!